Bachelet decreta estado de exceção e área de catástrofe em Valparaíso

Bachelet decreta estado de exceção e área de catástrofe em Valparaíso

Santiago (Chile), 12 abr (EFE).- A presidente do Chile, Michelle Bachelet, assinou na noite deste sábado um decreto que declara estado de exceção e área de catástrofe em Valparaíso, castigado por um incêndio de dimensões descomunais que já destruiu cerca de 150 casas e obrigou a evacuação de cerca de 600 pessoas.

A informação foi divulgada pelo ministro do Interior, Rodrigo Peñailillo, ao término de um comitê de emergência realizado em Santiago do qual também participaram o titular da Defesa, Jorge Burgos, e o diretor do Escritório Nacional de Emergência, Ricardo Toro.

Após informar à imprensa, o ministro partiu rumo a Valparaíso, a 120 quilômetros a oeste de Santiago, por indicação da presidente Bachelet, 'para tomar todas as medidas que forem necessárias para o controle do incêndio, da segurança e da ordem pública'.

Da mesma forma que aconteceu dias atrás com o terremoto ocorrido no extremo norte do país, que deixou seis mortos e graves danos materiais, a governante decretou rapidamente o estado de exceção constitucional, o que outorga às Forças Armadas o comando para garantir a ordem e a segurança, além de coordenar os trabalhos de evacuação.

Uma pessoa permanece em estado grave por causa de queimaduras, confirmaram as autoridades, que declararam alerta vermelho tanto em Valparaíso como na cidade vizinha de Viña del Mar.

O acidente, que já atinge 270 hectares, começou como um incêndio florestal, mas o forte vento fez com que se propagasse para zonas povoadas.

Copyright (c) Agencia EFE, S.A. 2010, todos os direitos reservados